5 razões para você fazer o planejamento virtual antes da cirurgia ortognática

por jul 11, 2022Cirurgia Ortognática2 Comentários

Se você acompanha nossos blogs, já sabe o quão importante a cirurgia ortognática é para pacientes com assimetrias craniofaciais.

Isso porque o procedimento corrige distúrbios ósseos, em especial da maxila e mandíbula, beneficiando não só a estética mas também a funcionalidade dessas estruturas.

A cirurgia é dividida em etapas pré, durante e pós, e um dos momentos mais importantes é com certeza o planejamento virtual.

Continue a leitura e descubra qual a importância do planejamento virtual e como ele dá mais segurança e confere maior sucesso para a cirurgia ortognática.

Entendendo melhor o que é a cirurgia ortognática

A cirurgia ortognática é destinada para pacientes que apresentam deformidades dentofaciais, quando ocorre um crescimento anormal das estruturas craniofaciais.

Isso confere uma má oclusão dentária: quando mandíbula e maxila não estão alinhadas corretamente. Entre os casos, estão:

  • Mordida cruzada: quando os dentes inferiores se encontram cobertos pelos superiores.
  • Mordida aberta: quando dentes superiores e inferiores não se encostam quando cerramos os dentes.
  • Prognatismo: quando a mandíbula ultrapassa o tamanho do maxilar superior, conhecida como “queixo para frente”.
  • Retrognatismo: quando o maxilar superior é maior do que o inferior, ou “queixo para trás”.

É por conta dos vários tipos de má oclusão e da complexidade das deformidades, que alcançam tanto a parte dentária quanto a parte óssea, que se torna essencial um planejamento bom e cuidadoso para se ter sucesso com o procedimento.

Como funciona o planejamento virtual da cirurgia ortognática

Você deve estar se perguntando do que consiste esse planejamento virtual na fase pré cirurgia ortognática. Vamos explicar melhor.

No planejamento virtual, o cirurgião dentista consegue utilizar tecnologias avançadas, como a tomografia computadorizada, modelos de gesso escaneados e fotos clínicas. Por meio delas, é possível replicar virtualmente a realidade clínica do paciente.

Dessa forma, o cirurgião consegue analisar o que é preciso ser feito durante o procedimento e planejar os cortes ósseos mais adequados para cada caso.

Esse planejamento é, então, exportado para impressoras 3D que geram guias cirúrgicas para replicar o plano na mesa de cirurgia, com maior precisão.

Se você ainda está em dúvida sobre os benefícios do planejamento virtual, aqui vão 5 razões para essa etapa ser indispensável no seu procedimento!

1 Maior facilidade para o cirurgião com as tecnologias avançadas

Sabia que foi apenas nos últimos 10 que as inovações e o uso de aparelhos de alta tecnologia começaram a ser utilizados na área da odontologia? E os resultados têm sido cada vez mais satisfatórios.

Isso porque, aos poucos, foram sendo incluídos ferramentas tridimensionais, exames de imagem com mais detalhes e o desenvolvimento de ferramentas diferenciadas.

O resultado são diagnósticos mais corretos e com maior complexidade dos problemas de saúde e tratamentos personalizados e adequados para trazer mais qualidade de vida aos pacientes.

Para a cirurgia ortognática, isso significa substituir trabalhos menos precisos com gesso, resina e cera pelo planejamento virtual, conferindo liberdade e acessibilidade para o cirurgião chegar no melhor pré-operatório possível.

2 Identificar possíveis caminhos

O planejamento virtual oferece uma análise de detalhes mais técnicos e, por meio da simulação do procedimento cirúrgico, é possível entender os vários caminhos para corrigir o problema do paciente.

Isso permite que o profissional analise qual será o caminho mais adequado para chegar no melhor resultado. Cada movimento do profissional será previamente pensado, estudado e testado no ambiente virtual.

Caso apareça qualquer tipo de problema relacionado, como gaps ósseos, ajustes e interferências ósseas, o cirurgião bucomaxilofacial já estará preparado.

3 Diminuir o tempo da cirurgia ortognática

Com o planejamento da cirurgia em mãos, o cirurgião já saberá todo o passo a passo necessário para se chegar no melhor resultado.

Por isso, o paciente só permanecerá em cirurgia o tempo mínimo necessário para que o cirurgião cumpra o planejamento.

4 Precisão e segurança em todas as etapas

O detalhamento oferecido pelos recursos tecnológicos confere maior clareza ao cirurgião em relação ao que precisará ser feito durante a cirurgia ortognática.

Dessa forma, sua ação será precisa e esse tipo de facilidade vai além de realizar o planejamento, já que o uso do software permite fazer alterações virtuais que simulam uma cirurgia e é possível visualizar os resultados do pós-operatório que se antecipam aos impactos dos movimentos pretendidos.

O planejamento também permite identificar possíveis limitações de movimentos e a criar soluções antecipadas contra imprevistos, dando mais segurança ao paciente.

Isso porque a tecnologia 3D permite simular também a mobilização do paciente no próprio computador, por meio de rotações e ampliações das medições lineares e angulares. Quando necessário, é possível corrigir ou refazer as movimentações dos tecidos abordados no procedimento.

5 Alinhar expectativas junto do paciente

No planejamento virtual, o cirurgião movimenta os segmentos ósseos do paciente, alinhando corretamente a posição da mandíbula, maxilar e outras estruturas e, assim, consegue visualizar o aspecto final da face gerada em tempo real.

Por permitir vermos o resultado final, outra vantagem muito significativa é que, por meio do planejamento virtual, é possível envolver o paciente nas decisões.

O tratamento é discutido previamente com o paciente para que todas as expectativas fiquem alinhadas de maneira geral, podendo contemplar suas queixas estéticas e funcionais.

A tecnologia também permite que o pós-operatório seja bem explicado, garantindo o máximo de eficiência em todas as etapas.

Opte por uma cirurgia ortognática com planejamento virtual

Já deu pra entender que o uso de tecnologias ao nosso favor é o nosso novo meio de vida. Na odontologia, não tem como ser diferente!

Resultados cada vez melhores estão sendo obtidos por meio do planejamento virtual e, para que ele tenha sucesso, também é importante escolher um cirurgião bucomaxilofacial de confiança.

Na RR Medicina e Odontologia, temos profissionais com domínio completo de todas as etapas de montagem e das ferramentas tecnológicas envolvidas na sua cirurgia ortognática.

Entre em contato para tirar suas dúvidas!

Planejamento virtual

2 Comentários

  1. Lorena Pestana Carvalho

    Gostaria de saber o valor do planejamento virtual da cirurgia ortognática

    Responder
    • rodney capp

      Antes de passar os valores precisamos de algumas informações:

      – Qual tipo de deformidade dentofacial?
      – Quanto é a discrepância entre as arcadas?
      – Será feito apenas um dos maxilares? Ou ambos? Ou não tem definido?
      – Fez algum tipo de exame de imagem?
      – Qual tipo de cirurgia será feita, a convencional ou customizada?
      – Será realizado algum tipo de terapia trans e pós-operatória? Se sim, qual?

      Com estas informações conseguimos passar um valor mais preciso!

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais posts

Parestesia tem Cura?

Parestesia tem Cura?

Você já se perguntou se a parestesia, aquela sensação de formigamento, dormência ou queimação em partes do corpo, tem cura? A boa notícia é que, na maioria dos casos, a parestesia é temporária e pode ser tratada com sucesso.